Crônicas

Se…

Quantas e quantas vezes esta palavrinha de apenas duas letrinhas enveredou-se pelo meu caminho. Ah! Se eu pudesse. Se eu porventura não dissesse. Não amasse. Não gostasse. Não tivesse nascido naquela mesma rua. Não tivesse me casado com aquela mesma mulher. E não tivesse escolhido esta profissão que abracei a tantos anos passados. São tantos […]

Continuar lendo